CATEGORIAS

DEPOIMENTO DO PACIENTE

“No começo lidar com a deficiência auditiva foi um processo de negação. Já ouviu e não ouve mais, leva a situações de ridículo, como por exemplo, comparação com a personagem da velha surda interpretada pelo Roni Rios na praça da alegria. Leva ao isolamento, por não ouvir bem, torna inseguro nos assuntos das conversas do dia-a-dia. Portanto, procure uma clínica de aparelho auditivo de confiança. O profissional que vai atender precisar ser paciente, atencioso. Ser amiga, semelhante à minha fonoaudióloga! Oferecer segurança, incentivar e passar todas as informações possíveis para o conforto auditivo. Por isso, é fundamental passar as informações necessárias para o profissional, quanto mais informações passar melhor será a sua adaptação com o aparelho auditivo, de acordo com os recursos selecionados. Portanto, usar aparelho auditivo é bom, me tornou muito mais feliz. Devolve a integração social, por isso o meu som favorito o próprio som da vida.”

Leonel Schutzenberger, paciente há 5 anos da Audiocare.